Dia do Vigilante, um marco na Luta pelos Direitos da Categoria. Entenda!

0
146

O dia do vigilante não é celebrado em 20 de junho por acaso. A data é muito significativa para os trabalhadores(as) que atuam na área de vigilância.

Embora a atividade de vigilância seja milenar, afinal, desde seus primórdios a humanidade buscou proteger-se utilizando instrumentos de defesa e abrigando-se em locais seguros, até em 1983, no Brasil, os trabalhadores(as) atuavam sem regulamentação da profissão.

Na luta para mudar essa realidade se destaca o movimento dos vigilantes de Brasília, liderado por Chico Vigilante. Eles fizeram a primeira greve contra a exploração que a categoria sofria pelas empresas, em 1979 – período do Regime Militar. Ali foi o iniciou de uma jornada vitorioso.

Depois de 4 anos ouvindo os vigilantes, por meio do seu líder Chico Vigilante, o então Ministro do Trabalho, Almir Pazianotto, do Governo do Presidente João Batista Figueredo, atenderam a reivindicação da categoria. Assim, o presidente sancionou a Lei 7.102/83 em 20 de junho, reconhecendo legalmente o exercício da profissional dos vigilantes, permitindo que os trabalhadores se organizasse em associações.

Hoje, o profissional é uma das profissões mais importantes na atividade de segurança prestando serviço à sociedade. Ao profissionais de segurança, parabéns pelo seu dia!